Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AntiBlogue

Blogue dum casal real, anti-fashion, anti-fit e anti-top. Detestamos correr, praia no Verão e berros de crianças. Gostamos de viajar, comer, música, livros, vegetar em frente à TV, saldos, limões e sobretudo um do outro.

AntiBlogue

Blogue dum casal real, anti-fashion, anti-fit e anti-top. Detestamos correr, praia no Verão e berros de crianças. Gostamos de viajar, comer, música, livros, vegetar em frente à TV, saldos, limões e sobretudo um do outro.

O grande chefão lá do sítio que me paga o ordenado acha (e di-lo publicamente, com todas as letras e zero pudores) que a percentagem elevada (elevadíssima, mesmo, a roçar os 3 dígitos percentuais) de pessoas que vai trabalhar quando está doente é um sinal positivo. E também acha que isto é apenas uma manifestação da dedicação dos trabalhadores à empresa. Nem sequer se questiona sobre a relação entre estes e os valores homólogos dos outros países, os salários, o custo de vida, a produtividade, as condições de trabalho... Digam lá que não queriam ter um destes génios optimistas ao leme da vossa empresa!